Wiki Chaves
Advertisement
A Casinha do Quico
Chaves7709 480
Episódio de Chaves
Título Original Pago renta
Elenco Roberto Gómez Bolaños
Carlos Villagrán
Ramón Valdez
Florinda Meza
Edgar Vivar
Maria Antonieta de las Nieves
Versão 3
Exibição 1977
Anterior O Fantasma da Vila
Próximo Amarelinhas e Balões
Dublagens MAGA: 1 Dublagem (1990)
Obs.: Embora tenha sido dublado em 1990, só foi estrear no SBT em 1992.
Remake do perdido mundial de 1973 e 1974.
Direção Enrique Segoviano

A Casinha do Quico (no original Pago renta) é um episódio de Chaves de 1977.

Sinopse[]

O Episódio começa,Quico sai de casa com a cadeira e o Chaves compra o pirulito lá na venda;Chiquinha aparece e brinca com o Kiko numa casinha e ela pega uma cadeira.Chaves aparece e comprou um pirulito más ele nega de brincar de uma casinha é brincadeira de mulher e ele estraga o tijolo na casa dele e depois sai correndo.Seu Madruga aparece e ele acaba tijolando na cabeça e fica sentado na escada quando ele procura à ver um advogado e a Dona Florinda sai no pátio de que ele chama de bêbado.Chaves quer perdoar para o senhor de que lhe deram umas tijoladas na cabeça do Kiko e se deu mal,Florinda aparece que queria apanhar no tijolo ela leva uma bofetada e o Madruga cai na escada e de que era uma grade.Chiquinha dizia pro seu pai que queria pegar se uma cadeira hoje de manhã más ele nega,pois o Madruga iria visitar para o jantar na Casa da Bisavó como Dona Neves.Ela trouxe uma cadeira e Quico pega os dois travesseiros e o Chaves rouba o outro,Kiko quer devolver o travesseiro e o Chaves nega,depois ele leva uma travesseirada e acaba batendo na Chiquinha e chora,agora toma uma pancada no travesseiro no Sr. Barriga e desmaia!

Mais tarde,Chiquinha estreou um vestido novo que nós vamos jantar na casa da bisavó de que nos estamos na primavera e o Quico estreou uma roupa de marinheiro de que comprou no cabeleireiro;pois o Chaves estreou um chiclete e depois não tinha a roupa nova e ele leva a estréia das vassouradas.Seu Madruga aparece com o terno estreado e a Chiquinha engana com a outra pessoa disfarçada,Florinda aparece outra vez e ela se engana para o senhor vestido de terno e toma mais uma bofetada.Chaves disse para Chiquinha de que o senhor se enganou á confundir pelo seu pai e ele leva uma cacetada.Chaves estreiaria entre nós dois e ele pega um chiclete e a Chiquinha não quer dar e chora,depois toma uma vassourada quando o Seu Barriga aparece;Madruga sai de casa e o gordinho veio cobrar o aluguel,em de que ele já comprou o nosso terninho como o gordo disse,e ele quebra a cara do Seu Madruga e os dois arrumam na briga,pois o Chaves segura os dois paletós e o Quico segura bem;os dois começam a brigar e acaba socando no Kiko.Dona Florinda sai de casa quando o seu filho bateu e ela toma os dois no tapa e os dois imitam o igualzinho do Seu Madruga!

Depois da briga de um aluguel,Seu Barriga não pagaria pontualmente do aluguel e o senhor nesta noite não dorme embaixo de um teto,os correm atrás do Sr. Barriga e fogem.Florinda sai de casa e o Chaves aparece no barril de que ela assusta,quando a Florinda quer me desculpar para o Seu Barriga de que tomou uma bofetada de que se confundiram no Madruga.Quico sai de casa quando ele quer brincar de casinha e o Chaves negou em de que ele mora na casa número 8.Chiquinha e Seu Madruga foge no gordo para não lhe pagar o aluguel e a Chiquinha leva a cadeira e o Chaves acaba numa pancada na cadeira com o Seu Barriga;quando a Chiquinha se calou e ele pergunta:"onde é que está o seu pai",Seu Madruga pula na janela e o Sr. Barriga foge atrás dele.Depois das travessias,Madruga pergunta se ele não estava fugindo nele e depois fugiu pela janela porque lhe dá na telha;e ele vai lhe pagar o aluguel pois durante seria 14 meses de aluguel,Chaves quer convidar ao batizado e o Seu Madruga procura pois um porco botou o ovo e ele fala pro Barriga e depois vaza.Seu Barriga disse:ou lhe paga hoje imediatamente um mês do aluguel ou senhor não dorme nesta noite embaixo de um teto.Seu Madruga dormiu embaixo de um teto e o Seu Barriga passou à noite inteira, quando o Seu Madruga venceu!

Elenco e Dubladores[]

Elenco[]

Dubladores[]

Continuidade[]

Curiosidades[]

  • Estreia confirmada pela revista Tele-Guía nº 1.289: 18/04/77, 20:05.
  • Neste episódio, Seu Madruga diz que Chiquinha e ele visitariam sua avozinha (possivelmente se referindo a Dona Neves, que até então nunca havia aparecido na série).
  • Para jantar na casa de sua bisavó, Chiquinha veste um vestido vermelho novo. Ela diz que foi um presente da bisavó, para que tivesse uma roupa nova para estrear na primavera.

Citações[]

narrador: A Casinha do Quico
Seu Madruga: Outra vez? Quer ver meu advogado! Quero ver meu advogado!
Dona Florinda: Seu bêbado!
Seu Madruga: Mas que diabo... E o quê você tá fazendo aqui com essa cadeira?
Chiquinha: N-Não, eu... - Me empresta a cadeira pra brincar de casinha?
Seu Madruga: O quê eu te disse de manhã?
Chiquinha: Que não.
Seu Madruga: E então?
Chiquinha: Bom, é próprio dos sábios mudar de opinião!
Quico: Você vai devolver meu travesseiro ou não?!
Chaves: N-A-O nunca!
Quico: Escuta, Chaves! Chaves! Você não tem nada de novo?
Chaves: Sim! Essa caixinha de chiclé! O dono da venda me deu porque eu ajudei a varrer a calçada.
Quico: Quero saber se tem alguma coisa nova de roupa!
Chaves: [pensa] Bem, este remendo é novo.
Quico: Olha eu. Estreio uma todo ano!
Chaves: Pois eu também, todos os anos estreio esse sapato! Só que ele já tá gasto de tanto estrear...
Quico: [balança a cabeça] Ai, Chaves... Além de pobre, [põe a mão no ombro do Chaves] você é bem burro!
Chaves: ...Também vou estrear um novo golpe que me ensinaram. [pega vassoura e corre atrás do Quico]
Quico: Vamos ver. Estreia aí pra gen-- [gritando] Ah não, Chaves! Não! Não, Chavinho, não não não! [corre para o segundo pátio]
Chiquinha: [gritando ao Chaves] Isso mesmo, Chaves! Dá nele, Chaves! Dá nele com vontade! [tom normal] Tomara que o Chaves alcance ele e acabe com aquelas bochechas de buldogue velho.
Seu Madruga: [entra na vila, de terno novo] Olá.
Chiquinha: Boa tarde, senhor. [para de supetão e se vira lentamente] ...Papai!
Seu Madruga: [esfrega nós dos dedos na lapela] Sim?
Chiquinha: [caminha até ele e examina o terno] O senhor é o meu papai?
Seu Madruga: Suponho que sim.
Chiquinha: E por que tá disfarçado?
Seu Madruga: Segura o meu paletó. [entrega paletó ao Chaves]
Chaves: Ah, sim.
Sr. Barriga: Chaves, segure o meu. [entrega paletó ao Chaves]
Chaves: Sim. [larga paletó do Seu Madruga e pega o do Sr. Barriga]
Seu Madruga: Mas é um... Mas é um... Recolhe o meu paletó!
Chaves: Sim. [larga paletó do Sr. Barriga e pega o do Seu Madruga]
Sr. Barriga: Chaves! Quantas mãos você tem?
Chaves: Duas! [larga paletó do Seu Madruga e mostra as mãos]
Seu Madruga: Escuta, será que não dá pra segurar os dois paletós?
Chaves: Sim. [se abaixa para pegar os paletós]
Quico: [sai de casa] Não não não! Eu pego um! Eu pego um! Se manda daqui! [empurra Chaves e pega paletó do Seu Madruga; põe as mãos nos ombros de Seu Madruga e Sr. Barriga] Já sabem que não vale dar golpe baixo, hein? Que vença o melhor! [risos]
Sr. Barriga: Agora vai ver!
Seu Madruga: Ai que medo.
Sr. Barriga: Não me provoque!
Seu Madruga: "Não me provoque"... O quê que há, o quê que vai fazer, ó. [põe a mão na face] Bate aqui, bate aqui! [se abaixa]
Quico: Vai lá, vai lá, acerta ele! Acerta ele, vai--
Sr. Barriga: [tenta socar Seu Madruga, mas gira e acerta Quico]
Seu Madruga: Ah, agora o senhor merece.
Quico: Mamãe!
Dona Florinda: [sai de casa]
Sr. Barriga: Pode vir! Vamos! Venha! Venha!
Quico: Pega ele!--
Seu Madruga: [tenta socar Sr. Barriga, mas gira e acerta Quico; arfa assustado]
Dona Florinda: Eu vi! Eu vi perfeitamente!
Seu Madruga: Bom, se me permite, eu posso explicar! Sabe que eu-- [se abaixa]
Dona Florinda: [tenta dar uma bofetada, mas gira e acerta Sr. Barriga]
Seu Madruga: Isso! Boa, Dona Florinda! Bate por cima, bate por baixo, bate por cima--
Dona Florinda: [bofetada] Agora sim, Tesouro, não se misture com essa gentalha!
Quico: Sim, mamãe. [para Seu Madruga] Gentalha, gentalha! Prrrr! [joga paletó no Seu Madruga] Sai da frente! [empurra Seu Madruga e se dirige a Sr. Barriga] Gentalha, gentalha! Prrrr! [vai para casa]
Sr. Barriga: [toma paletó de Chaves]
[Seu Madruga e Sr. Barriga, sincronicamente, batem os pés, jogam paletós no chão e os pisoteiam]
Chaves: [aplaude, mas para aos poucos quando os dois o encaram]


Chaves - Temporada de 1977
As Crianças Assistem a Aula · O Porquinho · O Dia da Amizade · O Cãozinho Madruguinha, Partes 1, 2 e 3· Quem semeia moeda, colhe tempestade!· O Jogo de Beisebol· Seu Madruga Fotógrafo, Partes 1 e 2· O Fantasma da Vila· A Casinha do Quico· Amarelinhas e Balões· O Vendedor de Balões· O Cavaleiro das Mil Encrencas · Seu Madruga Carpinteiro, Partes 1 e 2· Vamos Todos a Acapulco, Partes 1, 2 e 3· O Álbum de Figurinhas· Os Espíritos Zombeteiros, Partes 1, 2 e 3· A Falta de Água, Partes 1 e 2· O Calo do Sr. Barriga· Ah! Logo Agora Que Eu Queria Ver Meu Time Jogar...· O Professor Apaixonado· Os Refrescos do Chaves, Partes 1, 2 e 3· Bilhetes Trocados· Estou morrendo de saudades da minha amiga, mas não muito...· A Bruxa Está Solta!· A Caricatura do Professor Girafales· O Disco Voador· Abre a Torneira, Partes 1 e 2· Panqueca pra Dentro, Barriga pra Fora· O Despejo do Seu Madruga, Partes 1 e 2· Como Treinar Um Novo Campeão· Um Finíssimo Tecido Made in Taubaté· Uma Aula de Canto
Advertisement