Wiki Chaves
Advertisement
A insônia do Seu Madruga - parte 3
Chaves7726 480
Episódio de Chaves
Título Original La tienda del Chavo - parte 3
Elenco Roberto Gómez Bolaños
Carlos Villagrán
Ramón Valdez
Florinda Meza
Rubén Aguirre
Angelines Fernández
Maria Antonieta de las Nieves
Versão 2
Exibição 1977
Semelhante a Mais Vale Uma Noite Bem Dormida Que Uma Boa Comida - Parte 2
Anterior Refrescos numa Fria - Parte 2
Próximo Bilhetes Trocados
Dublagens MAGA: 1 Dublagem (1990)
Obs.: Embora tenha sido dublado em 1990, só foi estrear no SBT em 1992.
Direção Enrique Segoviano

A Insônia do Seu Madruga - Parte 3 (no original La tienda del Chavo - parte 3) é um episódio do Chaves de 1977. É a parte final da saga.

Sinopse[]

Quico joga o basquete na vila e a Dona Florinda está treinando o seu filho no jogo.Quando a Dona Clotilde chega e acaba derrubando na cesta e ele levante as coisas e depois vai no pátio.Chaves continua negociando o refresco e sabe o que a Chiquinha proíbe beber pelas águas sujas,e ela conta que o seu tio aparece na rua e tomou o refresco e sabe o que aconteceu o carro te atropelou,quando o cachorro aparece e lambeu a ferida dele e morreu de infecção.Professor Girafales aparece nas regras de que não pode vender nas ruas,pois o Chaves nem acreditava pelo refresco da venda é uma assepxia.Chaves nunca entende pela coisa absurda,e a Chiquinha mostra o que é micróbio,Professor explica como o copo e a Dona Florinda aparece apaixonada na chegada e ele acaba colocando o buquê com o refresco,depois disto o Chaves distrai de que jogam o micróbios do refresco!

No Entanto,o Chaves joga a se queixar com o buquê e o Quico zanga de lhe pisar com a pétala e vá conta pra sua mãe de que sapateou as flores e acaba empurrando de que era 9 cestas.Seu Madruga sai de casa insoniando naquela noite e a Dona Clotilde ameniza como a angústia,e ela propostaria o xarope a receitar o médico de que toma a noite toda pelo sono.Chaves descobria ao Quico de que Seu Madruga conversamos a Bruxa do 71,de que ele enfeitiçou de se andar pelo feito com o cachorro que caiu na mudança,Madruga aparece de se confundir pela galinha e o Quico não dói de se beliscar de que perdeu às forças.Madruga nunca enfeitiçou pela insônia a noite inteira de que o Quico não se mete o tonto.Ele tá debilitado na insônia de que passou as noites claras,de que não sabe nada de fraqueza,o Quico disse ao Seu Barriga que ele tem que parar de dormir.Florinda sai de casa e passeia com o Professor para o ambiente do ar livre,e ele fala de únicas coisas!

Dona Clotilde pergunta o Chaves se o Seu Madruga está bem,ele continua dormindo,pois a Clotilde trouxe o xarope para dormir a noite toda e a Chiquinha vai se transformar em Bruxa.Madruga levanta no barulho e a Clotilde se procura ao Chaves de que trouxeram o remédio.Os dois escondem na calçada,e se transformou numa vassoura,Chiquinha chora de que perdeu o seu pai de que devia acabar se apaixonando,e melhora o aspecto e ele derruba,o Chaves levanta na vassoura e fala com o senhor,porquanto a Chiquinha joga o xarope no refresco.Chaves fala o comentário do Seu Madruga e distrai o Quico que faz cócegas,depois disto se confundiram na vassoura de que saímos.Madruga se transformou a Bebida Mágica e ele toma,a Clotilde aparece achado e ele acaba caindo no sono;por muito tempo o Professor causa na confusão das crianças de que se chamaram de Bruxa.Madruga agarra para Florinda de que sentia mal,e o Girafales retira,e neles acaba atrapalhando e o Madruga pega sonolento.Seguintemente a Chiquinha chama o Chaves de que eles roubaram as clientes do refresco e sem pagar e os outros pagaram tudo!

Atores e Dubladores[]

Atores[]

Dublagem[]

Dublagem Maga (1990)

Curiosidades[]

  • No início do episódio, toca uma versão instrumental da música tema do Quico.

Citações[]

narrador: A Insônia do Seu Madruga
Quico: [jogando bola contra a parede] Dois... Três... Quatro... [para a tela] Deixa só eu pegar a minha bola quadrada e vocês vão ver! [risos]
[Quico joga bola pro alto; Dona Clotilde entra na vila com uma cesta de compras, e a bola derruba a cesta]
Dona Clotilde: Ah!
Quico: Oito cestas! [risos] ...Sabe o quê é? É que eu tava jogando basquete com a minha bola e--
Dona Clotilde: Não me interessa o quê você estava jogando! Só o quê me interessa é que recolha essas coisas! E não fique parado aí com essa cara de idiota!
Quico: Eu vou recolher suas coisas. Mas não vou mudar minha cara só porque a senhora quer!
Dona Clotilde: Ha. Hm! Quê vou dizer?
Chiquinha: Eu vou te contar uma coisa. Outro dia, um tio meu tomou refresco na rua. No dia seguinte, sabe o quê aconteceu?
Chaves: Quê?
Chiquinha: Foi atropelado por um ônibus!
Chaves: ...E o quê tem isso a ver?
Chiquinha: É que depois passou um cachorro e lambeu a ferida dele.
Chaves: ...E daí?
Chiquinha: O cachorro morreu com uma infecção. E eu não quero que aconteça o mesmo comigo, Chaves!
Chaves: ...Pois não ande lambendo feridas! E depois, também, o que faz mal não são os refrescos, são os "saguadinhos"!
Prof. Girafales: [chega com um buquê] As duas coisas, Chaves! Saiba que tudo que se vende pelas ruas faz mal! Por exemplo: churrasquinhos, os refrescos, sanduíches daqueles que vêm com maionese, com tomate, com mostarda, cachorro quente, empadas, os pastéis,...
Chaves: [lambendo os beiços enquanto Prof. Girafales fala] Ai... Mm...
Prof. Girafales: Coxinhas, risoles, etcétera etcétera etcétera. Por isso, não se deve comer nada do que se vende pelas ruas.
Chiquinha: É por isso que não se pode comer os bilhetes de loteria. Porque também são vendidos nas ruas.
Chaves: Mas os meus refrescos não estão na rua, estão na calçada!
Prof. Girafales: Er, de qualquer maneira, Chaves, [aponta para pote de refresco] eu não acredito que você tenha feito isso com assepsia.
Chaves: Não, eu fiz isso com tamarindo, esse aí.
Chiquinha: [gritando] Chega, Chaves! Chega de besteiras!
Chaves: Ninguém tem paciência comigo.
Chiquinha: Nããão!
Prof. Girafales: Mas a culpa é toda sua, Chaves. A gente tenta falar com você de forma clara, convincente, e você responde com absurdos!
Chaves: ...Não conheço nem a Clara, nem o Vicente, nem esse surdo aí.
Chaves: [pisoteia buquê de flores]
Quico: [sai da vila] O quê está fazendo, Chaves?
Chaves: Jogaram essas flores dentro do meu refresco!
Quico: Mas você não sabe que numa flor não se bate nem com uma pétala de mulher?!
Chaves: ...Não é o contrário?
Quico: Por isso eu digo que é o contrário. Mas eu vou contar pra minha mãe que você tá pisando nas flores que o Professor Girafales trouxe pra ela! [entra na vila]
[Dona Clotilde sai de casa com uma cesta; Quico se dirige a sua casa, e os dois se esbarram, derrubando a cesta]
Quico: Nove cestas! [risos, entra em casa]
[Seu Madruga entra na vila bocejando]
Quico: É verdade! Parece uma galinha depenada.
Seu Madruga: Quem parece galinha depenada?
Quico: O senhor!
Seu Madruga: Mm-hm?
Quico: Mm-hm.
[Seu Madruga belisca Quico, mas ele não reage]
Quico: O quê ele tá fazendo?
Chaves: Tá te beliscando.
Quico: Mas não dói nada!
Seu Madruga: É claro. Abusam de mim porque eu estou debilitado pela insônia.
Chaves: Por onde?
Seu Madruga: Pela insônia!
Quico: E o quê é isso?
Seu Madruga: E o quê te importa?!
Quico: Coma torta!
Seu Madruga: Ah é, é? Vai ver agora. [belisca Quico com as duas mãos, ainda sem reação]
Quico: Não dói nada!
Chaves: Ele tá tão enfeitiçado que até já perdeu as forças!
Seu Madruga: [se vira para Chaves e dá cascudo] Toma!
Chaves: [rindo] Nem doeu!
Seu Madruga: Não doeu, é? Você que pensa. [chora, sacudindo e massageando a mão]
Chaves: Parece até que ele foi "hipopotamizado"!
Quico: Quer dizer "hipnotizado".
Chaves: Isso, isso, isso, isso, isso, isso...
Quico: Não é não, Chaves! Ele tá mesmo é enfeitiçado.
Chaves: Isso, isso, isso, isso, isso, isso...
Quico: Mm-hm. O quê que se sente quando se tem um feitiço?
Seu Madruga: [encara Quico com raiva]
Quico: É muito ruim? ...Gostoso? ...Nem lá nem cá? ...Não deu.

Assista ao episódio[]

Chaves_-_A_insônia_do_Seu_Madruga_(1977)

Chaves - A insônia do Seu Madruga (1977)


Chaves - Temporada de 1977
As Crianças Assistem a Aula · O Porquinho · O Dia da Amizade · O Cãozinho Madruguinha, Partes 1, 2 e 3· Quem semeia moeda, colhe tempestade!· O Jogo de Beisebol· Seu Madruga Fotógrafo, Partes 1 e 2· O Fantasma da Vila· A Casinha do Quico· Amarelinhas e Balões· O Vendedor de Balões· O Cavaleiro das Mil Encrencas · Seu Madruga Carpinteiro, Partes 1 e 2· Vamos Todos a Acapulco, Partes 1, 2 e 3· O Álbum de Figurinhas· Os Espíritos Zombeteiros, Partes 1, 2 e 3· A Falta de Água, Partes 1 e 2· O Calo do Sr. Barriga· Ah! Logo Agora Que Eu Queria Ver Meu Time Jogar...· O Professor Apaixonado· Os Refrescos do Chaves, Partes 1, 2 e 3· Bilhetes Trocados· Estou morrendo de saudades da minha amiga, mas não muito...· A Bruxa Está Solta!· A Caricatura do Professor Girafales· O Disco Voador· Abre a Torneira, Partes 1 e 2· Panqueca pra Dentro, Barriga pra Fora· O Despejo do Seu Madruga, Partes 1 e 2· Como Treinar Um Novo Campeão· Um Finíssimo Tecido Made in Taubaté· Uma Aula de Canto
Advertisement